Dupla é presa no oeste do PR com 1,5 mil cápsulas de munição escondidas em mochilas

Lucas Gabriel Marins

policia-rodoviaria-federal2

Uma moça de 18 anos e um rapaz de 20 foram presos na manhã deste domingo (13), em Santa Terezinha do Itaipu, no oeste do Paraná, com 1,5 mil cápsulas de munição contrabandeadas do Paraguai.

De acordo com o policial rodoviário federal Luiz Eduardo, a dupla estava dentro de um ônibus que saiu de Foz do Iguaçu, também no oeste do estado, com destino a Ponta Grossa, nos Campos Gerais.

As munições, falou ele, estavam escondidas em duas mochilas. “Em cada uma havia 750 projéteis, sendo 250 de calibre 9 milímetros, 250 de calibre .40 e 250 de calibre .380”.

Ainda segundo Eduardo, a dupla pegou os projéteis na rodoviária de Foz da Iguaçu e, conforme relato da moça, a intenção era levá-los para São Paulo.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) encaminhou o homem e a mulher para a Delegacia da Polícia Civil de Santa Terezinha de Itaipu.

Segundo a corporação, a pena para o crime de tráfico internacional de armas ou munições varia de quatro a oito anos de prisão.

Previous ArticleNext Article