Escola Segura chega a 40 colégios estaduais da Região Metropolitana de Curitiba

Jorge de Sousa

Escola Segura - Curitiba - Segurança Pública - Policiais

O programa Escola Segura está implantado em 40 colégios estaduais da Grande Curitiba e terá a disposição 77 policiais militares da reserva. O projeto é uma iniciativa do Governo do Paraná e pretende ampliar a proteção de alunos e professores da rede estadual de educação.

O lançamento oficial do projeto foi realizado nesta quarta-feira (11), pelo governador do Paraná, Ratinho Junior, no Colégio Estadual Elza Scherner Moro, em São José dos Pinhais. Em todo o estado, o programa já atua em 71 colégios e conta com a atuação de 126 policiais militares.

“Os pais têm a tranquilidade de saber que seus filhos estão em um ambiente seguro. Casos de estudantes que não queriam mais ir para a escola com medo de brigas e ameaças acabaram nos locais onde o programa foi implantado”, disse Ratinho Junior.

Os municípios da Região Metropolitana de Curitiba que vão receber o projeto são Almirante Tamandaré, Araucária, Campina Grande do Sul, Campo Largo, Colombo, Fazenda Rio Grande, Pinhais, Piraquara e São José dos Pinhais. Também já foram contempladas pelo projeto as cidades de Foz do Iguaçu e Londrina.

“Trazer esse projeto para a Região Metropolitana é um passo importante. Ele já está consolidado nas cidades onde foi implantado. Os policiais se integram com os professores, pais e alunos e passam a ser uma referência naquele ambiente”, afirmou o secretário de Estado da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares.

Os policiais trabalham em dois turnos alternados. Das 7h às 15h e das 15h às 23h. A principal atividade é a prevenção ao redor e no interior das escolas. Todos os agentes de segurança do projeto passaram por uma seleção, na qual foram avaliados em testes físicos e psicológicos. Eles também passaram por um curso de aperfeiçoamento de 20 horas.

Previous ArticleNext Article