Estrada da Boiadeira vai receber R$ 228 em investimentos da Itaipu

Redação

Estrada da Boiadeira vai receber R$ 228 em investimentos da Itaipu

A Itaipu Binacional irá investir R$ 228 milhões na infraestrutura do trecho no Paraná da BR-487, também conhecida como Estrada da Boiadeira.

O investimento será feito após um convênio entre a Itaipu Binacional, o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) e o Governo do Paraná.

A verba será utilizada em obras de implantação, reparação e restauração do asfalto da Estrada da Boiadeira, além da colocação de placas e outros itens de orientação visual nos 47 quilômetros da rodovia.

A Estrada da Boiadeira no Paraná liga os municípios de Icaraíma e Umuarama, sendo que as obras no local devem estar prontas até o início de 2022.

“Mais uma iniciativa de grande impacto que a empresa adota em favor do Paraná. Temos uma forte parceria com a direção da hidrelétrica para projetos importantes no sistema logístico paranaense e a obra na Estrada Boiadeira reforça este apoio que o governo federal está concedendo ao nosso Estado por meio da Itaipu”, afirmou o governador do Paraná, Ratinho Junior.

A obra faz parte de uma série de investimentos para a criação de uma rota bioceânica para ligar o Oceano Atlântico e o Oceano Pacífico, por meio de uma rodovia de 2,4 mil quilômetros de Campo Grande (MS) até Antofagasta, no Chile.

Essa rota permitiria maior agilidade no escoamento da produção agrícola e industrial do Brasil aos portos de países da Ásia, como China, Coreia do Sul e Japão.

A reforma da Estrada da Boiadeira irá permitir o transporte até Porto Murtinho (MS), onde será construída uma nova ponte de ligação entre Brasil e Paraguai.

No país vizinho, serão feitos investimentos para pavimentar quase 600 quilômetros de rodovias que atravessam o Paraguai em direção ao Chile.

LEIA MAIS: Senado pode votar mudança na concessão de transporte interestadual

Previous ArticleNext Article