Estudantes da UFPR bloqueiam Av das Torres em protesto contra PEC 55

Narley Resende


Um grupo de 50 estudantes da Universidade Federal do Paraná (UFPR) fechou a Avenida das Torres, no sentido Centro de Curitiba, na altura do Viaduto Estaiado (bairro Guabirotuba), em protesto contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC 55) que congela gastos primários da União pelos próximos 20 anos. A manifestação também é contra a Medida Provisória 746, que propõe uma reforma no ensino médio.

Desde às 6h40, os alunos bloqueiam a pista em determinados momentos e liberam em seguida. Tanto o sentido Curitiba, quando São José dos Pinhais (região metropolitana), tiveram momentos de bloqueio. O protesto foi encerrado por volta das 8h15.

Enquanto o número de escolas estaduais ocupadas no Paraná diminui, a ocupação nas Universidades do estado cresce cada vez mais. Pelo menos 15 municípios do Paraná têm ocupações em instituições universitárias federais e estaduais. O Centro Politécnico da UFPR, próximo à região do protesto desta quarta-feira, tem prédios ocupados por alunos desde a semana passada.

Universidades Ocucpadas:

Universidade Estadual do Oeste (Unioeste) em Marechal Rondon, Toledo e Cascavel; dos campus da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) em União da Vitória, Paranaguá e Campo Mourão; da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) em Guarapuava, Irati e Coronel Vivida; da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), em Laranjeiras do Sul; da Universidade Estadual de Maringá (UEM), em Cianorte; da Universidade Federal do Paraná (UFPR) em Curitiba e litoral; e da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG).

Protesto de estudantes da UFPR na Avenida das Torres
Foto: colaboração / RN24H

Previous ArticleNext Article