Estudantes dançam por 20 horas em protesto contra a PEC 55

Narley Resende


Estudantes de artes da Universidade Federal do Paraná dançam por 20 horas nesta segunda-feira (7) em protesto contra a PEC 55 (antiga PEC 241) que tramita no Senado. A PEC congela gastos primários do governo, fora a remuneração da dívida pública, pelos próximos 20 anos. A manifestação começou às 4 horas e deve seguir até 0h desta terça-feira (8).

Os alunos dançam em frente ao prédio de Artes da UFPR – que fica na rua Coronel Dulcídio, no Batel – ocupado por estudantes de Música e Artes Visuais desde o dia 27 de outubro. Antes das 8 horas, os alunos usavam fones de ouvido para escutar as músicas.

“Isso por causa da lei do silêncio. E depois das 22h também será assim”, afirma Diego Nunes, um dos organizadores do ato. De acordo com os organizadores, a meta é dançar na calçada em frente ao edifício ocupado, por 20 horas consecutivas, sem interrupção.

Organizado pelo movimento Ocupa de Artes, o ato “20 Horas em Movimento contra 20 anos de Congelamento” em referência à PEC 55, também protesta contra a reforma do ensino médio proposta via Medida Provisória, além de dar visibilidade a Ocupação Estudantil do campus de Artes da Universidade.

No último sábado, o prédio Histórico da UFPR, na Praça Santos Andrade foi desocupado. A reitoria da Universidade afirma em nota que os estudantes concordaram em deixar o local após uma longa reunião, realizada na última sexta-feira (04).

[insertmedia id=”SS6SrRf0MNk”]

86c7fbcf-5f59-4e89-ace2-bfa144e5c2a2

Previous ArticleNext Article