Festa clandestina em Colombo é encerrada pela Polícia Civil: 11 pessoas foram presas

Redação

Festa clandestina em Colombo é encerrada pela Polícia Civil: 11 pessoas foram presas

Onze pessoas foram presas em flagrante após a PCPR (Polícia Civil do Paraná) encerrar uma festa clandestina em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, na noite de quarta-feira (2), véspera do Feriado de Corpus Christi.

Cerca de 80 pessoas estavam no local, que fica no bairro Guaraituba. Quando os agentes entraram no local, encontraram os participantes da festa clandestina escondidos no escuro e em silêncio. Todos estavam sem máscara.

Os organizadores e funcionários foram presos e encaminhados para à Delegacia de Crimes Contra a Saúde pelos crimes de associação criminosa e infração de medidas sanitárias preventivas.

Por causa da pandemia da Covid-19, festas estão suspensas em todos os muncípios. Além disso, um toque de recolher entre 20 e 5h está em vigor no Estado. A ação da PCPR faz parte da fiscalização referente ao decreto estadual nº 940/2021.

Veja imagens da fiscalização da PCPR na festa clandestina em Colombo abaixo!

A aglomeração foi flagrada horas depois do secretário da Saúde, Beto Preto, confirmar o primeiro caso da variante Indiana no Paraná. A paciente é uma mulher de 71 anos, moradora de Apucarana.

O marido, de 74 anos, e o filho, de 58 anos, também contraíram Covid-19. O mais jovem morreu no dia 17 de maio por complicações da doença. Uma investigação epidemiológica está em andamento.

Além deste núcleo familiar, a Sesa investiga um casos suspeito de infecção pela variante indiada do coronavírus em Cascavel, na região oeste do Paraná.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="768071" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]