Fiocruz analisa caso suspeito de coronavírus no PR; Lacen descarta Influenza

Angelo Sfair

coronavírus, casos, sms, secretaria municipal da saúde, prefeitura de curitiba, paraná, exames, lacen, laboratório, casos confirmados, casos suspeitos

A Fiocruz investiga o caso suspeito de infecção pelo Novo Coronavírus em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná. Exames preliminares realizados pelo Lacen (Laboratório Central do Estado do Paraná) descartaram a presença do vírus Influenza no paciente. O menino de sete anos está isolado, em casa, desde o dia 6 de fevereiro.

Amostras do material coletado do garoto foram enviadas à Fiocruz. Portanto, caberá ao laboratório referência no Rio de Janeiro confirmar ou descartar a suspeita de coronavírus. Conforme o Ministério da Saúde, o Paraná segue na lista de estado com casos suspeitos em investigação.

A presença do vírus Influenza seria um forte indício de que a infecção respiratória investigada não tem relação com o Novo Coronavírus. No entanto, a estrutura do Lacen permite a identificação de apenas seis variações de vírus: Influenza A, Influenza A (H1N1), Influenza A (H1), Influenza A (H3), Influenza B (Vitoria), Influenza B (Yamagata).

Conforme a Sesa (Secretaria da Saúde do Paraná), nenhuma das variações foi identificada nas amostras coletadas do menino de sete anos. Por isso, a suspeita foi mantida e a investigação será conduzida pelo laboratório referência indicado pelo Ministério da Saúde.

NOVO CORONAVÍRUS: FIOCRUZ APURA CASOS SUSPEITO NO PR

O caso suspeito de coronavírus é investigado em Ponta Grossa, no Paraná, desde o dia 6 de fevereiro. O menino de sete anos esteve durante o mês de janeiro no município de Taishan, na província de Guangdong, no sul da China.

O garoto retornou para o Brasil no dia 30 de janeiro. Após sentir sintomas respiratórios, como tosse e febre, ele passou por atendimento médico na quinta-feira da passada. Na ocasião, no dia 6 de fevereiro, ele foi diagnosticado com uma leve infecção respiratória.

Respeitando o protocolo estipulado pelo Ministério da Saúde, o caso foi notificado como suspeita de infecção pelo Novo Coronavírus. Para tanto, é necessário que o paciente apresente sintomas respiratórios e que tenha visitado locais onde há a circulação ativa do vírus, como a China.

Este é o terceiro caso suspeito do Novo Coronavírus no Paraná. As duas primeiras investigações foram conduzidas em Curitiba e descartadas após exames clínicos e laboratoriais. O Brasil ainda não confirmou nenhum caso da doença.

Previous ArticleNext Article