Fiscalização contra Uber e Cabify no aeroporto multa 27 motoristas

Narley Resende


Metro Jornal Curitiba

Em apenas três horas de fiscalização no Aeroporto Afonso Pena, na manhã de ontem, das 7h às 10h, a Secretaria de Transportes e Trânsito de São José dos Pinhais emitiu 27 autos de infração.

Foram 24 multas somente para condutores que realizavam transporte irregular de passageiros, ou seja, aquele não regulamentado pelo município, como é o caso de motoristas parceiros de aplicativos como Uber e Cabify.

A blitz, feita em parceria com a Guarda Municipal, Polícia Militar, Urbs, DER (Departamento de Estradas de Rodagem) e ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), realizou 90 abordagens e também teve como objetivo fiscalizar o transporte regulamentado.

Três abordagens resultaram em veículos apreendidos por irregularidades em documentação, sendo dois táxis de Curitiba e um particular. A Urbs informou que foi convidada para a fiscalização e ‘só deu apoio’, até porque não teria competência para autuar fora do território da capital.

Segundo o secretário municipal de Transportes de São José, Miguel Ferreira de Paula, a blitz foi a primeira em sua gestão (desde o início do ano) e devem ser intensificadas.

Segundo o parágrafo VIII do artigo 231 do Código Brasileiro de Trânsito, ‘transitar com o veículo efetuando transporte remunerado de pessoas ou bens, quando não for licenciado para esse fim’ é uma infração mé- dia, que rende quatro pontos na carteira e multa de R$ 130,16.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="422293" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]