Foz do Iguaçu passa a ter voos diretos para o Chile a partir de R$ 299

Depois de ganhar voos para Salvador até abril, Foz do Iguaçu terá viagem direta para Santiago, capital do Chile. As viag..

Redação - 07 de janeiro de 2020, 16:41

Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu /  Cataratas.  Foz do Iguaçu, 10/05/2019 -  Foto: Geraldo Bubniak/ANPr
Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu / Cataratas. Foz do Iguaçu, 10/05/2019 - Foto: Geraldo Bubniak/ANPr

Depois de ganhar voos para Salvador até abril, Foz do Iguaçu terá viagem direta para Santiago, capital do Chile. As viagens, que duram 2h20 minutos, começaram na última sexta-feira (3), com passagens a partir de R$ 299,00 por trecho, incluindo as taxas.

São dois voos semanais, às 21h05 na quinta-feira e 17h30 aos domingos, pela companhia aérea Jet Smart, especializada em low cost (baixo custo). Já quem vai partir do Chile vai decolar às 17h30 na quinta-feira e às 17h45 nos domingos.

A primeira viagem para Foz levou 146 passageiros, o que equivale à 80% da lotação da aeronave Airbus A320.

“É uma conquista importante para todo o Paraná porque Foz do Iguaçu é o nosso grande atrativo e a porta de entrada de visitantes estrangeiros no nosso Estado. Com investimentos em infraestrutura e a divulgação do Paraná como destino turístico, queremos ampliar o turismo, uma forma barata de gerar emprego nos municípios”, celebrou o governador Ratinho Junior.

FOZ TEM META OUSADA

O Aeroporto das Cataratas já conta com voos para Lima, no Peru. Além disso, também existem operações para Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, o que facilita as conexões para outros destinos como La Paz e Uyuni, também na Bolívia, e Cusco, no Peru.

Contudo, a expectativa é que Foz do Iguaçu passe a ter rotas para Assunção, no Paraguai, Montevidéu, no Uruguai, e para a Cidade do Panamá. Para completar, a expansão da pista do aeroporto - que está em licitação e deve iniciar até o Carnaval - abrirá a possibilidade de voos para os Estados Unidos e para a Europa.

“Nossa meta para esta década é transformar Foz do Iguaçu no destino número um de turistas estrangeiros no Brasil”, conclui Gilmar Piolla, secretário municipal do Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu.