Frio retorna e condição das pessoas em situação de rua volta a preocupar

Angelo Sfair

frio pessoas em situação de rua fas atendimento estendido Foto Ricardo MarajóArquivoFAS

Com o retorno do frio, as equipes que realizam abordagens a pessoas em situação de rua em Curitiba voltam a trabalhar em regime estendido a partir desta segunda-feira (15). Até quarta-feira (17), o trabalho da Fundação de Ação Social (FAS) será realizado das 18h às 22h.

O Instituto Simepar prevê mínimas de o 8°C para amanhã (16) e de apenas 4°C para quarta-feira (17). O atendimento às pessoas em situação de rua é ampliado sempre que a mínima prevista é inferior a 10°C. A medida pode ser estendida dependendo da previsão do tempo para os próximos dias.

Ao todo, 12 equipes da FAS estarão nas ruas para fazer as abordagens. O grupos são formados por educadores sociais e funcionários de apoio. Eles percorrem as ruas da cidade em busca de pessoas que estejam desprotegidas, para oferecer acolhimento nas unidades do município. As equipes também checam os pedidos de apoio registrados por meio da Central 156.

Quem procura os centro de acolhimento espontaneamente também encontrarão um regime de trabalho estendido. Todas as casas de passagem vão receber as pessoas em situação de rua até as 23h. Em dias normais, as portas se fecham às 21h.

Serviços

De acordo com a Prefeitura de Curitiba, mais de 60% da população em situação de rua de Curitiba está concentrada na regional Matriz. Por isso, as equipes concentram os trabalhos desde as Ruínas São Francisco até a Praça Santos Andrade.

Os grupos passam também pelas praças do Japão, Rui Barbosa, Espanha, Osório, Carlos Gomes, Tiradentes, Santos Dumont, Generoso Marques, 29 de Março, 19 de Dezembro. Os outros pontos mapeados são Rodoferroviária, Viaduto do Capanema, Mercado Municipal e Passeio Público.

As unidades da FAS oferecem à população banho quente, cama para dormir, agasalhos e alimentação (na chegada e na saída, no início da manhã). São, ao todo, 1.200 vagas de acolhimento.

Pessoas em situação de rua que têm animais de estimação também são abrigadas nas casas de passagem Jardim Botânico e Bairro Novo, que têm canis e alimentação para cães.

*Com informações da Prefeitura de Curitiba

Previous ArticleNext Article