Funcionários do Samu podem ter sido dopados durante plantão em Maringá; polícia investiga

Tarobá News e Redação

Homem de 48 anos morre afogado no Balneário de Shangri-lá

Quatro funcionários do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) de Maringá foram hospitalizados com baixo nível de consciência, após terem ingerido um suco que estava na geladeira da unidade, no último domingo (16).

Existe a suspeita de envenenamento, e um boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil do Paraná (PCPR) como tentativa de homicídio qualificado, crime contra a pessoa e com risco para vida ou saúde.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu/192) é um programa que tem como finalidade prestar o socorro à população em casos de emergência. 

Segundo o Samu Regional Norte Novo Paraná, ao todo cinco funcionários que estavam no plantão passaram mal após ingerirem a bebida na base sul. Três servidores foram encontrados em estado de sonolência e um estava desmaiado no banheiro. Todos foram levados aos hospitais Universitário e Bom Samaritano, em Maringá. Os funcionários trabalham como motoristas de veículos de emergência e no atendimento.

A Polícia Civil instaurou um inquérito policial e o caso segue em investigação. Segundo a PCPR, uma amostra do suco ingerido pelos funcionários do Samu foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) do município para análise. A polícia aguarda a conclusão do laudo para poder traçar o objetivo dessa bebida.

Das quatro pessoas que foram hospitalizadas, apenas uma permanece internada. Segundo o coordenador do Samu de Maringá, Mauricio Caetano, o atendimento à população não foi prejudicado.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="783568" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]