Greca anuncia como ‘milagre’ aumento da tarifa do transporte coletivo para R$ 4,50

Fernando Garcel

Sem subsídios da Prefeitura e do Governo do Estado, a tarifa do transporte coletivo poderia passar de R$ 5,20 na capital e de R$ 6 nos municípios da região metropolitana

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca (PMN), anunciou que o reajuste da tarifa do transporte coletivo de Curitiba vai elevar o custo da passagem para R$ 4,50. O pronunciamento foi gravado ao lado do governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Júnior (PSD), e divulgado no Facebook na manhã desta sexta-feira (22). O valor também será válido para municípios da região metropolitana. As tarifas passam a valor a partir da próxima quinta-feira (28).

Greca entrega 52 novos ônibus para o transporte coletivo

Segundo Greca, a Prefeitura vai subsidiar parte do custo com as empresas de transporte com a aplicação de R$ 50 milhões. Já o subsídio do Governo do Estado será de R$ 150 milhões. No discurso, ambos reforçaram a ideia de melhorar o transporte público, com novas obras de corredores para os ônibus, e construir uma integração ainda maior com os municípios da região metropolitana.

“A cidade de Curitiba e as cidades que são vizinhas vão ter uma tarifa só, de R$ 4,50, longe dos R$ 5,20 da tarifa técnica que somos obrigados por contrato a pagar. […] A ideia é integrar a grande cidade como uma só e depois evoluir ao longo do ano para transformação da Urbs e da Comec em uma agência metropolitana de transportes, com uma bilhetagem só e que vai servir para a economia popular”, declarou Greca.


“Esse é um esforço para fazer com que Curitiba e região metropolitana tenha de volta o melhor transporte público da América do Sul. Sem essa parceria com o governo do Estado, a tarifa passaria de R$ 5,20 e as cidades vizinhas passaria de R$ 6”, diz Ratinho Júnior.

Confira:

O valor único de R$ 4,50 será válido em Curitiba, Colombo, São José dos Pinhais, Pinhais, Almirante Tamandaré, Quatro Barras, Campo Largo, Araucária, Fazenda Rio Grande e Campina Grande do Sul. A Comec ainda estuda o valor da tarifa social para as demais cidades da Região Metropolitana.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook