Greca diz que equipe médica vai até a casa das pessoas: não vá a UPA ou ao posto

Na tarde desta quinta-feira (12), Rafael Greca, prefeito de Curitiba, informou que é importante que pessoas gripadas não..

Redação - 13 de março de 2020, 10:08

Pedro Ribas/SMCS
Pedro Ribas/SMCS

Na tarde desta quinta-feira (12), Rafael Greca, prefeito de Curitiba, informou que é importante que pessoas gripadas não vão a UPA ou posto de saúde, já que equipes médicas estão orientadas a comparecer nas residências, como uma medida preventiva para não disseminar o coronavírus.

"Se estiver gripado, ligar para o distrito sanitário através do 156 e 192, que nós mandamos a equipe médica em casa. É muito importante não fazer contato com pessoas gripadas, mesmo que não tenham ido para a Europa, para não disseminar o coronavírus."

Com a chegada dos primeiros casos confirmados do novo coronavírus à Curitiba, o prefeito editou um decreto municipal de emergência para serviço de saúde. A iniciativa vai criar um protocolo de procedimento e pacotes de medidas para contenção do vírus.

Além disso, Greca anunciou que cirurgias eletivas podem ser canceladas na Capital, caso haja necessidade de liberar leitos para abrigar novos pacientes do coronavírus.  A estrutura hospitalar foi reforçada e, segundo o prefeito, está preparada para responder ao avanço da doença.

"Nós temos 324 leitos de UTI, mas a boa notícia é que nós temos 30 novos leitos de UTI além desses, sem uso, aguardando a possibilidade de internamento. Tudo com respirador, de maneira de assegurar em máximo o combate a doença.

Segundo o prefeito, as cinco pessoas que tiveram o coronavírus confirmado não apresentam sintomas de debilidade. Os pacientes vão receber alta em até 15 dias.

PREFEITURA TIRA DÚVIDAS

A Secretaria Municipal de Saúde ativou o telefone 3350-9000 para atendimento aos moradores de Curitiba que tenham dúvidas a respeito do coronavírus. A equipe vai atender das 8h às 23h, todos os dias da semana.

SEIS CASOS DE CORONAVÍRUS SÃO CONFIRMADOS NO PARANÁ

Dos seis casos de coronavírus no Paraná, cinco deles foram registrados em Curitiba e um em Cianorte, no noroeste do Paraná. A informação foi divulgada nesta manhã (12) pela SMS (Secretaria Municipal da Saúde) e a Sesa (Secretaria de Estado da Saúde).

Todos os casos de coronavírus são importados e foram confirmados oficialmente por exames realizados pelo Lacen-PR (Laboratório Central do Estado do Paraná), considerado referência pelo Ministério da Saúde.

CASOS DE CORONAVÍRUS EM CURITIBA:

  • homem, 54 anos: esteve na Espanha, Portugal e Holanda;
  • mulher, 25 anos: esteve na Espanha, Portugal e Holanda;
  • homem, 15 anos: esteve na Itália;
  • homem, 43 anos: esteve na Itália;
  • homem, 58 anos: esteve na Itália;

CASO DE CORONAVÍRUS EM CIANORTE:

  • homem, sem idade divulgada: esteve no Oriente Médio;

Em boletim divulgado ontem pelo Ministério da Saúde, o Paraná aparece investigando 46 seis casos suspeitos. No sul do Brasil, 10 casos de Covid-19 foram confirmados: seis no Paraná e quatro no Rio Grande do Sul. Confira aqui todos os casos registrados no país.