Praticante de ritual satânico é preso suspeito da morte de lutador de Kung Fu, em Curitiba

Redação


Foi preso na manhã desta terça-feira (26), um homem de 21 anos, suspeito da morte do lutador de Kung Fu, Daniel Rodrigues da Veiga, de 21 anos, em Curitiba.

O corpo da vítima foi encontrado no dia 24 de abril, no Rio Barigui, no bairro Campo Comprido.

A PCPR (Polícia Civil do Paraná) explica que o suspeito preso faz parte de um grupo que cultua rituais satânicos na cidade. Ele teria agido com a ajuda de outro dois suspeitos, um de 21 anos e um menor de 17 anos, que também estão sendo investigados .

RITUAL SATÂNICO

A polícia cumpriu mandados de busca e apreensão e foram encontradas facas, um skate e materiais usados pelo grupos para os rituais satânicos.

lutador kung fu ritual satanico

A polícia suspeita que o lutador tenha sido agredido com o skate apreendido e depois assassinado com uma faca.

Na sequência, os indivíduos teriam jogado o corpo do lutador no Rio Barigui, junto da “espada katana”, e fugido do local

Ao ser ouvido na delegacia, o suspeito confessou o crime e não demonstrou arrependimento. O jovem disse que guardou o skate com as machas de sangue, como forma de troféu.

ritual satânico morte lutador Kung Fu

Divulgação/PCPR

Previous ArticleNext Article