Guaratuba cancela Carnaval de rua; confira a programação no Litoral do PR

A cidade de Guaratuba, no Litoral do estado, decidiu cancelar o Carnaval de rua deste ano, pelo avanço da variante ômicron e o aumento de casos de Covid-19.

Rafael Nascimento - 21 de janeiro de 2022, 14:47

Foto: Divulgação/Prefeitura de Guaratuba
Foto: Divulgação/Prefeitura de Guaratuba

A cidade de Guaratuba, no Litoral do estado, decidiu cancelar o Carnaval de rua deste ano. A medida se deve ao avanço da variante ômicron e o aumento de casos de Covid-19, segundo a administração municipal.

O cancelamento da tradicional festa na orla de Guaratuba com trios elétricos, que antes da pandemia chegou a reunir mais de 500 mil foliões, foi confirmada nesta sexta-feira (21) após reunião do Após reunião do Comitê de Crise da pandemia na cidade.

“O fato de reunir mais de 300 mil, 500 mil pessoas nas ruas é algo que não tem como ter o mesmo tratamento de outros eventos. Então ficou definido que o município não vai realizar e não vai permitir o Carnaval de rua. Não teremos trios elétricos ou festa gratuita aberta para toda a população em 2022”, disse o prefeito Roberto Justus, em vídeo publicado em uma rede social.

Assim como em outras cidades do Paraná e do país, o número de casos de Covid-19 em Guaratuba disparou nas últimas semanas, sobretudo após as festas de final de ano. Conforme a prefeitura, o alto número de infectados tem impactado diretamente a economia local

“Mesmo a gente não tendo óbitos há quase três meses e hospitalizados pela Covid, o número de casos está muito elevado, é o maior até aqui em toda a pandemia. Isso tem gerado o afastamento das pessoas de seus postos de trabalho, impactando a economia. Então entendemos que ao fazer um evento para 500 mil pessoas haveria um aumento ainda maior no número de casos e de afastamentos, além de causar também um prejuízo muito grande ao retorno das aulas presenciais”, explicou Justus.

Apesar do cancelamento do Carnaval de rua, a prefeitura confirmou que demais eventos esportivos e religiosos, ou até mesmo de Carnaval, permanecem liberados na cidade, desde que haja requerimento à administração municipal. Nesses casos, a Secretaria Municipal de Saúde irá analisar e orientar os organizadores sobre as medidas de controle à Covid. Não há previsão da adoção de barreiras sanitárias nos acessos à cidade.

Carnaval no Litoral do Paraná

A medida adotada pela Prefeitura de Guaratuba em cancelar eventos públicos da principal festividade do país segue a tendência de outros municípios do Litoral do Paraná. Ainda no ano passado, Antonina e Paranaguá já haviam anunciado no ano passado o cancelamento do Carnaval de rua. Na mesma esteira, Pontal do Paraná também não deverá ter eventos festivos no feriado prolongado.

Ontem, foi a vez de Morretes publicar um decreto cancelando eventos comemorativos de Carnaval na cidade, também pelo aumento do número de casos de Covid-19 e de outras doenças respiratórias.

"Com as festividades de final de ano, período de férias e temporada de verão, houve uma “explosão” de casos confirmados de Covid-19 em Morretes, fato agravado com a descoberta de novas variantes e retorno da gripe influenza e suas cepas. A realização de festividades de carnaval possui um enorme potencial de agravar ainda mais esta situação. Portanto, não é o momento para se descuidar das medidas de combate à Pandemia, mas sim de reforça-las em respeito a todo o esforço, dedicação e sacrifícios realizados até o momento, tanto por parte dos profissionais de saúde quanto da população”, disse a prefeitura.