Guarda Municipal já atendeu 18 casos relacionados a assédio sexual nos ônibus de Curitiba

Francielly Azevedo - CBN Curitiba


Dezoito casos de abuso no transporte público foram atendidos pela Guarda Municipal somente este ano. De acordo com a Secretaria de Defesa Social e Trânsito, até o início deste mês, foram 12 ocorrências de assédio sexual, três atos libidinosos/obscenos e três por importunação ofensiva ao pudor.

Na última quarta-feira (29), uma jovem, de 20 anos, foi assediada sexualmente, por um homem, de 39 anos, na linha de ônibus Centenário-Campo Comprido, conforme informações da Guarda Municipal de Curitiba.

De acordo com relatos, dois homens ajudaram a conter o suspeito e, ao chegar ao terminal do Campina do Siqueira, os vigilantes deram suporte até a chegada da viatura, que foi acionada após uma denúncia feita por meio do telefone 153.

O homem, que tinha antecedentes criminais por furto, foi preso e encaminhado a Delegacia da Mulher.

Na terça-feira (28), a Guarda Municipal registrou outro caso semelhante. Uma adolescente, de 15 anos, foi assediada sexualmente por um homem, de 28 anos, no transporte público.
A denúncia também foi feita pelo telefone 153 e o suspeito foi encaminhado para a delegacia.

Por isso, a Guarda orienta que a pessoa que testemunhe o crime acione o telefone de emergência, pois a viatura mais próxima do local será deslocada para atender a ocorrência no ônibus ou terminal.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="549494" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]