Hemepar precisa de doação de plasma de pacientes curados da Covid-19

Redação


O Hemepar precisa de doação de plasma de pacientes curados da Covid-19 para um projeto-piloto, que permite a utilização do sangue como procedimento experimental no combate ao coronavírus.

Para realizar a doação de plasma, o Hemepar orienta que é necessário ter entre 18 e 59 anos, não ter recebido transfusão de sangue, não ter sido submetido a ventilação mecânica, estar entre os dias 45 e 180 do resultado do exame, trazer impresso o resultado positivo para Covid-19.

🚨 ATENÇÃO SENHORES DOADORES/USUÁRIOS💢:

O Hemepar Curitiba necessita com EXTREMA URGÊNCIA de doadores recuperados da…

Publicado por HEMEPAR em Quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Os agendamentos são realizados pelos telefones:

  • Campo Mourão: (44) 3525-1102;
  • Cascavel: (45) 3226-4549;
  • Curitiba: (41) 3281-4074;
  • Foz do Iguaçu: (45) 3576-8020;
  • União da Vitória: (42) 3522-1365;

O experimento consiste em utilizar o plasma convalescente ou hiperimune de pacientes que se recuperaram da Covid-19. A técnica utiliza este material para tratar pessoas que tenham sido contaminadas pelo vírus e estejam no início dos sintomas, ainda no quadro leve.

A injeção de plasma, já com os anticorpos de quem se recuperou da infecção, permite a criação de uma barreira protetora em quem recebe o sangue. O objetivo é evitar que a doença tenha um agravamento e, em muitos casos, a necessidade de uma transferência para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

O sistema imunológico da pessoa que foi contaminada pelo vírus produz proteínas na corrente sanguínea para combater a doença. Sendo assim, após a recuperação do paciente infectado, os componentes sanguíneos com estes anticorpos podem ser coletados e utilizados em outras pessoas para auxiliar no tratamento.

Previous ArticleNext Article