Homem morre atingido por raio em Matinhos

Com CBN CuritibaUm homem de 40 anos morreu atingido por um raio na Praia Brava de Matinhos, no litoral do Paraná...

Mariana Ohde - 01 de março de 2017, 10:22

Com CBN Curitiba

Um homem de 40 anos morreu atingido por um raio na Praia Brava de Matinhos, no litoral do Paraná. Segundo o Corpo de Bombeiros, ele foi atingindo enquanto jogava bola na areia com amigos e familiares.

O caso aconteceu no final da tarde desta terça-feira (28). O homem de 40 anos, que era de Campo Mourão, no noroeste do estado, sofreu uma parada cardiorrespiratória.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e fez o resgate da vítima, junto com o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas. O homem foi levado de helicóptero para o Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá, após ter recuperado os batimentos cardíacos. Apesar disso, ele acabou morrendo no hospital, como explica a tenente do Corpo de Bombeiros, Virgínia Turra.

"Eles ouviram um estrondo, algumas pessoas caíram no chão e se levantaram, menos ele, que sofreu a parada cardiorrespiratória. Quando aconteceu o incidente, já existia a condição da tempestade, já havia o tempo brusco, trovões e chuva. Eles acabaram permanecendo, jogando bola, e não perceberam o risco que acabou se aproximando", explica.

O Corpo de Bombeiros orienta que, em caso de aproximação de tempestades, as pessoas procurem imediatamente um abrigo seguro, especialmente dentro de casas e lojas. Carros com as janelas fechadas também são locais apropriados, desde que estejam parados, longe de árvores e outros objetos que possam cair com a chuva e o vento.

Os banhistas correm risco de serem atingidos por raios, segundo a tenente, ao permanecer na areia ou no mar em condições de tempestade. "Estando em locais de campo aberto - na praia, campo de futebol ou outras regiões de campo em geral - as pessoas estão em uma situação de bastante risco com a aproximação de tempestades. Dentro do mar também é uma situação de bastante risco", alerta, ressaltando que ao perceber os ventos, nuvens e trovões é preciso sair imediatamente destes locais.