Homem faz família refém e morre após confronto com Guarda Municipal em São José dos Pinhais

Jorge de Sousa

Homem faz família refém e morre após confronto com a Guarda Municipal em São José dos Pinhais

Um homem de 40 anos foi morto na tarde desta quinta-feira (22), após fazer a família refém e ser baleado em uma troca de tiros com agentes da ROMU (Rondas Municipais) da Guarda Municipal de São José dos Pinhais, município da Região Metropolitana de Curitiba.

Segundo a Guarda Municipal de São José dos Pinhais, o homem teria feito refém a esposa (40 anos) e quatro filhos (adolescente de 17 anos, gêmeos com 11 anos e uma criança de oito anos) em uma residência no bairro Independência.

A denúncia que levou os agentes a residência foi feita pelo Disque *100, por meio de um contato anônimo.

O homem chegou a conversas com os agentes, mas após alguns dos reféns gritarem por socorro dentro da casa, o suspeito correu para o imóvel, puxou um revólver calibre 38 e efetuou disparos contra os guardas municipais.

Na troca de tiros, o homem foi baleado e morreu no local. A Guarda Municipal ainda apreendeu outras armas de fabricação caseira dentro da casa.

Já a mulher e as quatro crianças foram encaminhadas sem ferimentos para o Conselho Tutelar de São José dos Pinhais.

LEIA MAIS: Menino morre atropelado por ônibus enquanto andava de bicicleta em Curitiba

Previous ArticleNext Article