Homem é preso ao tentar sacar cheque de R$ 50 milhões em Curitiba

Redação

cheque homem banco

Um homem de 57 anos, que nunca teve passagem pela polícia, foi preso em flagrante no momento que tentou sacar um cheque fraudado no valor de R$ 50 milhões. Ele tentou obter o dinheiro em uma agência do Santander, localizada no Centro de Curitiba, na última quarta-feira (5).

De acordo com o delegado Victor Loureiro, os funcionários do banco desconfiaram da ação e ligaram para a PCPR (Polícia Civil do Paraná). Além disso, a gerente da agência acionou a Central do banco em São Paulo, suposta emissora da ordem do pagamento, que alegou que o gerente responsável pelo cheque não existe.

O homem justificou que o pagamento seria em razão de serviços de prestados de importação e exportação. “Ele não precisou como ele prestaria esses serviços, através de qual empresa, para onde e em quais países ou estados. A história era bastante confusa”, diz o delegado.

Além disso, mesmo tendo a falsidade do cheque confirmada, o comportamento do suspeito chamou a atenção.

“Surpreendeu, até aos investigadores, a calma como ele estava na agência ainda sob aquela suspeita forte do crime de estelionato. Na delegacia, a mesma reação, aparentando inocência”, completa Loureiro.

O homem foi liberado após pagar fiança, mas vai responder pelo crime de estelionato tentado. Contudo, o caso segue sendo investigado.

Na visão da polícia, ele teve ajuda de outras pessoas para ter acesso a um cheque original do banco. “Tem mais gente envolvida, com certeza”, finaliza Loureiro.

A reportagem entrou em contato com o Santander e aguarda retorno.

Previous ArticleNext Article