Homem que estuprou e matou enteada de dois anos é condenado a mais de 57 anos de prisão

Francielly Azevedo


Um homem foi condenado pelo Tribunal do Júri de Matelândia, nesta sexta-feira (17), a 57 anos, sete meses e seis dias de reclusão por homicídio qualificado. O réu é acusado de estuprar e matar a enteada de dois anos de idade, em Ramilândia, no oeste do Paraná.

O crime foi praticado na ausência da mãe da criança, no mês de fevereiro, em uma residência na área rural do município.

O homem está preso preventivamente e não poderá recorrer em liberdade. Ele foi condenado por estupro de vulnerável e homicídio qualificado por motivo torpe, meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio.

Previous ArticleNext Article
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.
[post_explorer post_id="545920" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]