Após reclamação sobre comportamento do filho, homem saca a arma para mulher

Após reclamação sobre comportamento do filho, homem saca a arma para uma mulher em Colombo, na Região Metropolitana de C..

Redação - 08 de março de 2020, 14:42

Divulgação/PM-PR
Divulgação/PM-PR

Após reclamação sobre comportamento do filho, homem saca a arma para uma mulher em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, na noite deste sábado (7).

Na mesma noite, nove pessoas foram presas, em Curitiba e na Região Metropolitana de Curitiba, neste sábado (7), pela Guarda Municipal e polícias civis e milares do Paraná. Além disso, em uma fiscalização em tabacarias, 260 pessoas foram abordadas pela polícia.

HOMEM SACA ARMA PARA CONHECIDA APÓS BRIGA DE CRIANÇAS

O primeiro caso da noite aconteceu em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, por causa de uma briga de crianças. Segundo relatos, uma mulher foi reclamar para o suspeito sobre o comportamento do filho dele.

Então, diante do argumento, o homem sacou uma arma e apontou para a mulher. Guardas e policiais que participava de um churrasco no mesmo condomínio perceberam a confusão e foram atrás do homem. O suspeito tentou fugir de carro, mas foi abordado pelos agentes de segurança pública.

Dentro do automóvel, foram encontrados seis fuzis, colete balístico e objetos usados em roubos de caixas eletrônicos. Também foram apreendidos R$ 70 mil. O homem e mais três suspeitos foram encaminhados para o Cope (Centro de Operações Policiais Especiais).

DURANTE FISCALIZAÇÃO, POLÍCIA REALIZA ABORDAGEM EM 260 PESSOAS

O segundo caso da noite aconteceu durante uma fiscalização em quatro tacarias de Curitiba: três ficavam no bairro Sítio Cercado e uma no Pinheirinho. Cinco homens foram detidos e, com eles, foram encontradas uma pistola, uma arma falsa e drogas (ecstasy e maconha).

Na ação, 260 pessoas foram abordadas. Três carros foram removidos por estarem com documentação irregular. Também foi constatada a presença de menores consumindo bebida alcóolica. Três estabelecimentos foram fechados.