Homem se entrega e libera filho de três anos após 17 horas de negociação com a polícia

Fernando Garcel


Após cerca de 17 horas de negociação, os policiais da Comandos e Operações Especiais (COE), do Batalhão de Operações Especiais (Bope), conseguiram controlar a situação envolvendo um homem que fazia seu filho, de 3 anos, como refém em Curitiba.

> Policiais negociam com homem que mantém filho de 3 anos como refém, em Curitiba

De acordo com a PM, a situação teria iniciado após uma briga da família. Outros familiares, incluindo a esposa e os sogros, conseguiram sair de perto do homem, mas a criança ficou como refém.

No período mais tenso da negociação, o homem chegou a ameaçar a criança com uma faca e também dado indícios de que pretendia atear fogo na casa e em si mesmo com o uso de um galão de gasolina.

Além das equipes do Bope e COE, o Corpo de Bombeiros também foi acionado para acompanhar a situação. Toda a área próxima da residência foi isolada.

Ele se entregou à polícia por volta das 4h da manhã.

Ele foi encaminhado para o Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente (Nucria) e o filho entregue aos familiares. Ele deve responder pelo crime de cárcere privado.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="615947" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]