Identificadas as vítimas da queda de avião no PR; confira imagens

Redação



Foram identificadas as vítimas da queda de um avião, em uma estrada rural, no distrito de Espigão Azul, em Cascavel, no oeste do Paraná. O acidente aéreo ocorreu no fim da tarde deste domingo (17).

Os três mortos são: o piloto Magnus Boeno Padilha, o médico cardiologista Eduardo Frederico Borsarini Philippi e a filha dele Fernanda, de apenas 12 anos.

A esposa do médico, Graziela de Souza Philippi, foi socorrida em estado grave por um helicóptero. Ela teve politraumatismo generalizado e está internada no Hospital Universitário do Oeste do Paraná.

Gaziela de Souza Philippi, Fernanda e Eduardo Frederico Borsarini Philippi voltavam de Florianópolis (Reprodução Facebook)

O ACIDENTE

O avião de pequeno porte, prefixo PT JQZ, caiu no fim da tarde deste domingo, na cabeceira da pista de um aeroporto particular, próximo ao distrito de Espigão Azul, em Cascavel. A aeronave retornava de Florianópolis, em Santa Catarina.

O médico Eduardo Frederico Borsarini Philippi tinha alugado o avião do amigo, Nilo Laerse de Rezende, um dos proprietários da Saraiva de Rezende Construtora.

Várias ambulâncias foram deslocadas para prestar atendimento no local. Duas vítimas morreram presas às ferragens e outra ficou em meio à mata.

Reprodução / Facebook

PILOTO EXPERIENTE

O piloto Magnus Boeno Padilha, de 32 anos, conduzia a aeronave. O rapaz tinha mais de 1.600 horas de voo.

A West Wings Escola de Aviação Ltda emitiu uma nota nessa madrugada em que lamenta a morte do profissional. “Agradecemos imensamente o tempo que pudemos conviver com ele, que será sempre lembrado pelo profissionalismo, honestidade, lealdade, inteligência, competência e sensibilidade para lidar com as adversidades e conflitos humanos”, diz um trecho do comunicado.

O corpo de Magnus está sendo velado na Capela Master da Acesc e será cremado em Francisco Beltrão, na região sudoeste do Paraná.

APICULTOR RELATA ACIDENTE

Em entrevista a TV Tarobá de Cascavel, um apicultor que mora na região relatou que ouviu o avião simplesmente parar o motor. Quando olhou para o céu, a aeronave começou a cair.

“Eu vi a aeronave sobrevoando e de repente o motor parou e ela caiu direto no chão”, disse.

Na sequência, ele e a esposa correram para o local em meio a mata. Ao chegar até o avião eles viram os corpos e ouviram a mulher pedindo socorro. Eles então a retiraram da aeronave, bastante ferida. Ele disse que ela ainda falava. A preocupação era em retirá-la do local caso ocorresse alguma explosão.

Depois disso, eles chamaram o socorro.

*Com informações da Tarobá Cascavel*

CONFIRA COMO FICOU A AERONAVE:

Previous ArticleNext Article