Justiça acata denúncia e 35 viram réus por tráfico de drogas

Andreza Rossini


O juízo da Vara Criminal de Cornélio Procópio, no norte do Paraná, aceitou a denúncia apresentada pelo Ministério Público nesta sexta-feira (21), contra 35 pessoas acusadas por tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse de armas de fogo de uso restrito, na operação Abbadon.

A justiça também determinou a conversão das prisões temporárias em preventivas para todos os alvos, além de decretar a prisão de mais uma pessoa envolvida com o grupo.

Os mandados foram cumpridos em Cornélio Procópio, Nova Fátima e Londrina e em cidades do estado de São Paulo.

De acordo com as investigações do Ministério Público do Paraná, que duraram cerca de cinco meses, o grupo intermediava o repasse de expressivas quantidades de drogas para venda na região, contando, inclusive, com o auxílio de integrantes presos nos estados de São Paulo e Paraná.

 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="555511" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]