Justiça afasta professor investigado por assediar alunas e colegas

Redação


A Justiça determinou liminarmente o afastamento de um professor de dois colégios públicos de Campina da Lagoa, no Centro-Ocidental do Paraná, investigado por assediar alunas e professoras.

Segundo o Ministério Público do Paraná, o professor teria o hábito de enviar mensagens de assédio a alunas e professoras por meio das redes sociais, entre outras atitudes que vinham causando constrangimento às vítimas. Cerca de 20 testemunhas relataram casos relacionados ao professor.

O pedido foi atendido após ação civil pública movida pela Promotoria de Justiça da comarca.

 

Previous ArticleNext Article