Justiça dá prazo de 48 horas para Sesa explicar distribuição de vacinas da covid-19 em Maringá

Rafael Nascimento

paraná vacina covid-19

A 1ª Vara da Fazenda Pública de Maringá determinou prazo de 48 horas para que o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), explique os critérios e a redução na distribuição das vacinas contra a covid-19 à cidade do Norte do Paraná.

Nesta segunda-feira (9), a Prefeitura de Maringá ingressou com uma ação para que a Sesa restabeleça a distribuição proporcional das doses do imunizante. A administração publica alega que Maringá tem recebido um quantitativo menor de vacinas na comparação com o total de habitantes das cidades que compõem a 15ª Regional de Saúde.

Maringá tem obtido aproximadamente 37% das doses anticovid que chegam à 15ª Regional de Saúde, apesar de possuir 50,58% da população da regional. A redução no percentual de vacinas ocorre desde o final de junho, segundo a prefeitura.

“Não estamos questionando o número de vacinas enviadas para Maringá, mas questionamos a proporcionalidade. Algumas cidades já vacinam público com 20 e poucos anos, e Maringá chegou apenas hoje ao público de 30 anos”, afirma Domingos Trevizan, chefe de Gabinete da Prefeitura de Maringá.

No despacho favorável à ação da prefeitura, o juiz Frederico Mendes Júnior intimou a Sesa a justificar por que a cidade passou a receber menos doses de vacinas nas remessas a partir de 24 de junho.

Além disso, a pasta também precisa esclarecer se houve mudança nos critérios de distribuição dos imunizantes, e em caso positivo, se a metodologia foi alterada apenas na 15ª Regional de Saúde ou no repasse das doses em todo o estado.

212 MIL DOSES DISTRIBUÍDAS NESTA TERÇA-FEIRA NO PARANÁ

O Governo do Estado informou nesta terça-feira (10) que iniciou a distribuição de 212.070 doses de vacinas contra covid-19 para as 22 Regionais de Saúde do Paraná. As doses fazem parte de uma remessa enviada pelo Ministério da Saúde, recebida ontem e composta por 167.970 primeiras doses e 44.100 segundas aplicações.

De acordo com o quadro de distribuição das vacinas informado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), a 15ª Regional de Saúde, da qual Maringá faz parte, receberá um total de 12.192 doses, sendo 1.680 primeiras doses da Coronavac, 7.722 primeiras doses da Pfizer e 2.790 segundas doses do imunizante Coronavac.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="782080" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]