Justiça determina que Estado do Paraná promova reformas na cadeia pública de Goioerê

Francielly Azevedo


A Justiça determinou, nesta terça-feira (23), que o Governo do Paraná promova, até junho de 2019, reformas na cadeia pública de Goioerê, na região centro-ocidental do estado. A decisão foi baseada em laudo técnico sobre as condições do presídio. A liminar atende uma ação civil pública do Ministério Público do Paraná (MP-PR).

De acordo com o MP-PR, a investigação constatou a extrema precariedade do local, que apresenta condições insalubres, com pouca iluminação e ventilação, além de superlotação de detentos. Segundo os promotores, a unidade não possui condições de manter-se em funcionamento, sendo requeridas adequações na edificação às normas de higiene, areação, saúde e segurança indispensáveis para a garantia da dignidade dos presos e agentes penitenciários que trabalham no local, bem como à segurança da população da cidade.

A apuração do Ministério Público teve início a partir do recebimento de reivindicação encaminhada pelo Conselho de Segurança do Município relatando a situação carcerária local.

O planejamento para a reforma deverá ser apresentado pelo Estado até 1º de fevereiro de 2019, de acordo com prazo estipulado pelo Juízo.

**Com informações do MP-PR**

 

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.