Mãe dá a luz em Uber na porta de hospital em Curitiba

Jorge de Sousa


A operadora de máquinas Daniela Maria Gonçalves deu à luz ao seu terceiro filho dentro de um Uber. Com quase 39 semanas de gestação, Daniela se dirigia ao Hospital Santa Cruz, em Curitiba (PR), após sentir cólicas. Mas o trabalho de parto se iniciou ainda no estacionamento do local e Hellena veio ao mundo dentro de um carro, no dia 15 de julho.

O trajeto entre a casa de Daniela e o hospital é de apenas 17 minutos e a operadora de máquinas não imaginava que entraria em trabalho de parto naquele dia. “Antes de chamar o Uber, deixei as bolsas arrumadas para o caso de precisar ficar internada, assim alguém poderia levar até o hospital depois. Na metade do caminho, comecei a sentir as dores mais fortes”, explicou.

Logo que chegou no hospital, Daniela já estava em trabalho de parto. “Não deu nem tempo do motorista do Uber pegar o comprovante do estacionamento, passou reto pela guarita. Assim que ele parou o carro, a Hellena começou a coroar”, contou a mãe. Logo em sequência uma equipe médica do hospital se deslocou até o estacionamento e realizou o procedimento no local.

“Quando cheguei ao estacionamento, a mãe já estava em posição ginecológica no banco de trás do carro, com o bebê já com a cabeça para fora. Tive tempo de calçar as luvas e conversar rapidamente com a mãe sobre a gestação e fazer o parto. A equipe estava de prontidão e o parto foi rápido”, detalhou a ginecologista e obstetra do Hospital Santa Cruz, Flávia Vieira.

Hellena pode ficar em contato com a mãe após o parto, mas devido a noite fria em Curitiba naquela data, a menina precisou ficar internada na UTI Neonatal do hospital. Daniela e a filha não precisaram passar por mais nenhum procedimento e em dois dias receberam alta e puderam voltar para casa.

Previous ArticleNext Article