Mãe é presa por torturar bebê de quatro meses em Paranaguá

Andreza Rossini

Uma mulher de 19 anos foi presa em flagrante, em Paranaguá, no litoral do Paraná, por torturar e matar o próprio filho, de 4 meses.

A prisão foi efetuada na delegacia do Nucria – Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes, na noite de quinta-feira (9). Segundo a polícia civil, ela confessou o crime. Antes de morrer, o bebê chegou a ser encaminhado para atendimento no Hospital de Paranaguá, mas não resistiu aos ferimentos.

O laudo oficial que aponta a causa da morte do menino deve ficar pronto entre 30 e 40 dias. Um novo inquérito policial deve ser instaurado para investigar os fatos referentes a outros dois filhos desta mulher, que também morreram.

O corpo do bebê foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) do município. A causa preliminar da morte foi definida como “agressão física”.


Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook