Maringá comemora aniversário com recorde de inscritos em desfile cívico

Redação e Luiz Fernando Cardoso - Metro Maringá

Tradicional atração do aniversário de Maringá, o Desfile Cívico terá como principal destaque a grande participação popular. Este ano, o evento levará à avenida mais de 3 mil participantes. Segundo levantamento da Secretaria Municipal de Cultura, este será um dos maiores desfiles já realizado na cidade.

“Para se ter uma ideia, no desfile dos 70 anos de Maringá, no ano passado, foram 2.300 pessoas inscritas”, conta Luiz Fernando Neves, diretor de eventos da Secretaria de Cultura. “Buscamos nos
nossos arquivos e não encontramos um desfile maior do que o que teremos este ano”, acrescenta.

Apesar de Maringá completar 71 anos hoje, as comemorações – incluindo o feriado – foram marcadas para segunda-feira. O Desfile Cívico será realizado em seu local habitual, na Avenida XV de Novembro, em frente ao Paço Municipal. A previsão é de que o evento, com mais de 30 entidades participantes, tenha 1h30 de duração.

A ala militar abrirá o desfile. Um dos destaques será a bateria unificada das universidades, que promete encantar o público. Outro ponto alto será o desfile das associações esportivas, que abrirão
a ala civil. Segundo Neves, será uma homenagem aos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs), que terão Maringá como sede, em novembro. Como de costume, será montado arquibancada e palco para as autoridades.


Comemoração

Ao longo da semana, outros eventos da prefeitura marcarão as comemorações dos 71 anos de Maringá. Na terça, às 19h30, o cinema a céu aberto apresentará o documentário “Crônicas de uma cidade menina”, do jornalista Victor Duarte Faria, do jornal Metro. A apresentação será no Parque do Ingá, próximo à Maria Fumaça.

Na quarta, às 19h30, será realizada a Missa do Pioneiro, na Capela Santa Cruz. Na quinta, às 15h, haverá o lançamento dos livros “Depoimento de Professoras Pioneiras de Maringá” e “Série de Documentos do Patrimônio – 2: Américo Dias Ferraz”. Ambos foram produzidos pelo Patrimônio Histórico de Cultura de Maringá.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook