Pinhais confirma primeira morte pelo coronavírus: vítima tinha 64 anos

Redação


Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, registrou a primeira morte pelo coronavírus nesta segunda-feira (13). A informação foi divulgada pela prefeitura e pela Secretaria Municipal de Saúde na manhã de hoje.

A vítima é uma mulher, de 64 anos, com histórico recente de cirurgia cardíaca. No início de abril a idosa apresentou sintomas como febre e falta de ar, e imediatamente foi internada.

Ela estava internada em um hospital particular de Curitiba, onde realizou o exame e testou positivo para coronavírus. Segundo nota da Prefeitura de Pinhais, a idosa estava entre os casos graves monitorados.

Pinhais registra 14 casos confirmados da Covid-19, sendo seis já recuperados. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, um paciente permanece internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

COMÉRCIO DE PINHAIS É REABERTO APÓS DECRETO

A informação da primeira morte em Pinhais é divulgada um dia após a reabertura do comércio na cidade. Um decreto da prefeitura autorizou o funcionamento das atividades consideradas não essenciais.

Com algumas normas, os estabelecimentos devem abrir às 10h e fechar às 16h, de segunda à sábado. A liberação não se aplica a academias, casas noturnas, quadras esportivas e autoescolas, bares e tacarias.

Padarias, lanchonetes e restaurantes devem restringir o público a 50% da lotação e organizar as mesas de modo que elas tenham distanciamento de três metros.

Já os supermercados devem ter um horário exclusivo para gestantes e idosos. O acesso é restrito a uma pessoa por família.

Previous ArticleNext Article