Motorista suspeito de atropelar idoso em Curitiba estava a 90 km/h, aponta laudo

Redação e Band Curitiba

Idoso morre atropelado em Curitiba: motorista de carro fugiu sem prestar socorro

O motorista suspeito de atropelar e matar um idoso no bairro Alto da XV, em Curitiba, no dia 13 de novembro, e fugir sem prestar socorro, estava com uma velocidade estimada em 90 km/h. O apontamento é feito após conclusão de um laudo do Instituto de Criminalística.

A velocidade permitida na via é de 60 km/h. Segundo a PCPR (Polícia Civil do Paraná), o motorista deve ser indiciado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, porém, com agravante, já que ele não prestou socorro à vítima.

IDOSO MORRE ATROPELADO NO BAIRRO ALTO DA XV, EM CURITIBA

Um idoso de 66 anos morreu atropelado na noite do dia 13 de novembro. A vítima estava atravessando a faixa de pedestre da Rua José de Alencar quando foi atingido por um automóvel Volkswagen/Gol.

Depois da batida, o idoso foi arremessado por, aproximadamente, 20 metros. De acordo com a PMPR (Polícia Militar do Paraná), uma testemunha afirmou que o semáforo estava aberto para os carros e que tentou avisar o carro que vinha em alta velocidade buzinando. Porém, o automóvel que vinha logo atrás passou em alta velocidade e atingiu a vítima.

Três dias depois do acidente, o motorista suspeito de atropelar e matar um idoso no bairro Alto da XV se apresentou à Polícia Civil. Acompanhado de um advogado, ele foi interrogado, mas ficou em silêncio durante todo questionamento.

“Já temos a oitiva de testemunhas presenciais do fato e também estamos em pose de imagens de sistema de monitoramento, que demonstra a dinâmica do acidente. Esperamos que em um curto espaço de tempo consigamos concluir o caso”, afirmou o delegado Edgar Santana, da Dedetran (Delegacia de Delitos de Trânsito), no dia do depoimento.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="730570" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]