MPPR pede fechamento de academias e igrejas em Londrina

Jorge de Sousa

Londrina reabre comércio nesta quarta-feira segundo Marcelo Belinati

O MPPR (Ministério Público do Paraná) ajuizou nesta sexta-feira (26) ação pública contra a Prefeitura e a Autarquia Municipal de Saúde de Londrina para o fechamento de academias e igrejas devido a pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

A ação foi feita por meio da 24ª Promotoria de Justiça de Londrina e requer decisão urgente em caráter liminar, baseando a falta de fundamentação técnica e científica para o funcionamento desses locais.

O Ministério Público ainda pontua que essas reaberturas vão contra parecer do Centro de Operações e Emergências em Saúde Pública de Londrina, publicado no dia 21 de maio.

“Somando-se o fato de que o número de casos cresce exponencialmente a cada dia à circunstância de que a contaminação ainda é maior que a cura de pessoas, não há dúvidas de que se está num momento de aceleração epidemiológica”, argumentou o MPPR.

Nos últimos sete dias, Londrina registrou um crescimento de 79,6% nos casos de coronavírus, saltando de 982 para 1.233 contaminações, segundo números da Sesa (Secretaria de Estado da Saúde).

Previous ArticleNext Article