MPPR apresenta denúncia criminal contra seis pessoas envolvidas na Operação Hígia

O Ministério Público do Paraná (MP-PR), por meio das promotorias de Justiça de Pato Branco, no sudoeste do estado, apres..

Francielly Azevedo - 14 de junho de 2018, 22:42

Foto: MP-PR
Foto: MP-PR

O Ministério Público do Paraná (MP-PR), por meio das promotorias de Justiça de Pato Branco, no sudoeste do estado, apresentou denúncia criminal contra seis pessoas e ajuizou ação civil pública contra nove por improbidade administrativa. Os réus foram alvo da Operação Hígia, realizada pela Polícia Civil no ano passado para apurar crimes ligados a fraude a licitações na Secretaria Municipal de Saúde.

Os envolvidos foram acusados pelos crimes de dispensa irregular de licitação, fraude a licitação, concussão e corrupção passiva. Tanto a ação penal quanto a ação civil pública permanecem sob sigilo, por conta da natureza das informações nelas contidas.

O CASO

Iniciada em maio de 2017, a Operação Hígia apurou crimes contra a administração pública e fraudes a licitações ocorridos na Prefeitura de Pato Branco, resultando na prisão temporária de agentes públicos e empresários. Diversas investigações policiais foram instauradas na ocasião.