Natal de Curitiba recebe 615 mil pessoas e dobra número de visitantes

Redação e Assessoria


Cerca de 615 mil pessoas prestigiaram os mais 70 eventos do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais em 2018. O público presente a esta segunda edição do evento é 105% maior do que no primeiro ano, quando 300 mil pessoas acompanharam a programação. Os dados são de um levantamento preliminar do Instituto Municipal de Turismo.

Do total de público que acompanhou os eventos natalinos de Curitiba, 92,2 mil eram turistas, um crescimento de 54% em relação ao ano passado, quando a capital recebeu cerca de 60 mil pessoas de outras regiões do país e exterior. Os números consolidados, com todos os eventos e os últimos dias, serão divulgados até o fim de janeiro.

“Os números sinalizam que estamos no bom caminho. O Natal de Curitiba é um investimento na confraternização de todas as gentes, na volta das famílias ao centro, aos bairros e a todos os espaços da cidade e na transformação de Curitiba num grande ponto de encontro de celebração da fé, da esperança e da harmonia”, afirma o prefeito Rafael Greca.

Ao longo de mais de 30 dias, Curitiba foi palco de autos, corais, exposições, paradas, concertos e feiras temáticas de Natal. “Em 2017, por determinação do prefeito Rafael Greca, demos um passo significativo para que Curitiba voltasse a ser vista um dos principais destinos de Natal do Brasil. Em 2018, consolidamos esta posição”, comemora Tatiana Turra, presidente do Instituto Municipal de Turismo. A programação oficial de eventos encerrou no último domingo (23/12), mas a decoração de Natal – repleta de luz, cor e brilho – poderá ser apreciada por toda a cidade até 6 de janeiro.

Tatiana ressalta que, como na primeira edição da programação, Curitiba celebra o Natal com criatividade e de maneira inovadora. “A cidade teve uma programação descentralizada, contemplando todos os bairros, com uma rede de voluntários, apoio financeiro de patrocinadores, como a Caixa Econômica Federal, a Electrolux e os Supermercados Condor, e a maioria dos eventos foi promovida pela iniciativa privada, sem custos para o município”, justifica.

Ocupação alta

A presidente do Instituto Municipal de Turismo lembra ainda que o Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais foi concebido para espalhar um clima de renovação de esperanças, de espírito de paz e de união entre as pessoas, transformando nossa cidade também em uma ótima opção turística para desfrutar das festas de fim de ano. “Um dos maiores hotéis em números de apartamentos na cidade está com 80% de ocupação até o dia 31 de dezembro”, exemplifica Tatiana.

Mais gente circulando pela capital significa mais receita para o comércio. De acordo com dados do Instituto Municipal de Turismo, em 2017 foram movimentados R$ 53 milhões na economia local devido à programação de natal. A projeção da Associação Comercial do Paraná (ACP) para este ano é de que o gasto do consumidor curitibano seja de R$ 339 por causa do Natal, o que representa R$ 75 a mais que em 2017.

Desde o dia 22 de novembro, Curitiba ofereceu mais de 70 atrações da programação natalina. No leque de opções, árvores de Natal com até 23 metros de altura espalhadas pela cidade, apresentações, corais, autos de Natal, show no Palácio Avenida, carro do Papai Noel  no calçadão da Rua XV de Novembro, trem iluminado, ruas enfeitadas com luzes e até uma roda gigante na Praça Santos Andrade, a grande sensação desta temporada. Outra atração inédita foi a Linha Natal, que no período da noite percorreu exclusivamente os locais decorados para o Natal. “Aguardem, em 2019, teremos muitas novidades”, garante a presidente do Instituto Municipal de Turismo.

Previous ArticleNext Article