Navio da Marinha estará aberto à visitação no Paraná neste final de semana

BandNews FM Curitiba


Atracou nesta sexta-feira (3) no Porto de Paranaguá, o Navio “Sirius”, da Marinha do Brasil. Durante esse mês, ele deve percorrer a Baía de Paranaguá para realizar levantamento hidrográfico do acesso marítimo ao Porto. O “Sirius” vai coletar dados, por meio de sondagens batimétricas, para a elaboração de uma nova edição da Carta Náutica número 1.820, referente às “Proximidades da Barra de Paranaguá”. A última atualização da Carta Náutica foi há 10 anos.

O Comandante do navio, Capitão de Fragata Walid Maia Pinto Silva e Seba explicou que a atual operação, em Paranaguá, faz parte de um plano nacional cartográfico.  “É um trabalho contínuo feito em todas as regiões litorâneas no Brasil. Atualmente está em curso o terceiro plano cartográfico náutico brasileiro e um dos portos contemplados é o de Paranaguá. Esse levantamento, propriamente dito, com a coleta de dados, é feita por uma equipe especializada em oceanografia.  Há também praças e oficias especializados e aperfeiçoados em hidrografia que vão conduzir a parte operacional desse coleta de informações”, explica o oficial.

Entre os benefícios da atualização da Carta Náutica está a possibilidade de garantir maior segurança para a navegação. É o que avalia o Diretor-Presidente do Porto, Luiz Fernando Garcia.  “O objetivo principal é a segurança na navegação e esse serviço fundamental tem o apoio da Marinha do Brasil. A partir desse levantamento, nós temos condições de vender nosso produto mais barato porque isso reflete no valor de seguro dos navios que atracam no Porto de Paranaguá. E assim, também é possível reduzir o custo operacional do porto. Apesar de termos conhecimento técnico da profundidade no terminal, a partir do momento em que esses dados são oficializados e colocados em uma carta náutica, fica mais fácil o acesso à todos os navegantes.  A direção tem prestado todas as informações necessárias para que esse trabalho seja feito e isso permite que a Marinha entenda melhor como é o funcionamento portuário em Paranaguá e Antonina”, completa.

O Sírius está em operação desde 1958, com cerca de 4.500 dias de mar. Com cerca de 100 tripulantes, o navio atua de Norte a Sul do Brasil, tendo também realizado operações na Namíbia e em países da América do Sul.

Entre seus equipamentos estão sensores, radares, ecobatímetros, lanchas e um guincho oceanográfico. O navio também está preparado para pouso de helicópteros e é comum receber a bordo, em suas missões, estudantes das áreas de biologia marinha e oceanografia para pesquisas acadêmicas.

O Navio Sirius estará aberto para visitação pública no Porto de Paranaguá, neste final de semana, das 13h30 às 17h. A entrada é gratuita e os visitantes devem apresentar documento de identificação para ter acesso ao navio.

Por Kelly Frizzo

Previous ArticleNext Article
em 20 minutos tudo pode mudar
[post_explorer post_id="617618" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]