No fim de semana de vestibular, estudantes desocupam UFPR

Após um mês de ocupação, os estudantes deixaram os prédios da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, durant..

Mariana Ohde - 28 de novembro de 2016, 08:12

Após um mês de ocupação, os estudantes deixaram os prédios da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, durante este final de semana - quando foi realizada a segunda fase do vestibular da instituição. Nesta segunda-feira (28), eles devem seguir para Brasília, onde participam de um ato nacional contra a PEC 55 - a Proposta da Emenda à Constituição que prevê um teto para os gastos públicos por 20 anos - e a MP 746 - a Medida Provisória da reforma do ensino médio.

O prédio Dom Pedro I, na Reitoria, estava ocupado desde o dia 24 de outubro. Foi o primeiro espaço da universidade a ser ocupado. Dois dias depois, o outro prédio do complexo da Reitoria, o Dom Pedro II. também foi ocupado.

Ao deixarem o local, os estudantes leram um manifesto e reforçaram que a mobilização continua contra a PEC 55 e a MP 746. Os estudantes também são contra a perda de direitos dos trabalhadores, a criminalização dos estudantes do movimento estudantil e pedem a volta do ônibus intercampi no litoral do estado.

Nove prédios da instituição chegaram a ser ocupados desde o final de outubro. Na terça-feira (22) a Justiça Federal determinou a reintegração de posse de todos os espaços. Na quarta-feira (23), o prédio de Enfermagem e Terapia Ocupacional, no Jardim Botânico, foi desocupado voluntariamente pelos alunos.

Na sexta-feira (25) à noite, os estudantes que ocupavam os outros prédios foram notificados pelo oficial de justiça. O prédio de Educação Física foi desocupado na noite de sexta-feira, após a notificação. Os demais espaços ocupados em Curitiba foram desocupados ao longo do sábado – são os prédios de Artes, no Batel, do setor de Ciências da Terra, de Exatas e de Arquitetura (que ficam no Centro Politécnico) e os prédios Dom Pedro I e Dom Pedro II que ficam na reitoria.

No sábado (26) o reitor Zaki Akel Sobrinho falou sobre a desocupação, que foi pacífica. A expectativa é que as atividades voltem ao normal ainda nesta segunda-feira (28). "Não houve dano ao patrimônio público, então a gente está recebendo esses prédios de volta. Gradualmente, vamos voltar à normalidade. A expectativa é a de que na segunda-feira tenhamos um retorno às atividades acadêmicas", afirma, comemorando que a saída dos estudantes foi pacífica.

Na quinta-feira (24), o Conselho Universitário da UFPR reconheceu a legitimidade das manifestações dos alunos e professores e se posicionou contra a PEC 55 a MP 746. O reitor explicou que mesmo com a decisão do Conselho, a desocupação dos prédios era necessária para dar continuidade às atividades acadêmicas. Na sexta-feira (2), o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão deve decidir como será o calendário de reposição das aulas.

Vestibular UFPR

O vestibular da UFPR aconteceu neste sábado (26) e domingo (27). No domingo, os estudantes fizeram as provas de Compreensão e Produção de Textos. As provas de conhecimentos específicos, que seriam realizadas hoje, foram adiantadas para o sábado e ocorreram de forma tranquila. Ao todo os candidatos concorrem a 6.815 vagas - 5.494 do Processo Seletivo UFPR e 1.251 do SiSU/MEC. São 121 cursos.