Nova placa preta é entregue pela primeira vez no Paraná

Versão segue o padrão adotado pelo Mercosul e foi modificada após reclamações de proprietários. Fusca 1965 foi o primeiro veículo a receber o novo emplacamento.

Redação - 01 de junho de 2022, 16:43

(Foto: Detran-PR)
(Foto: Detran-PR)

A nova placa preta para veículos de coleção foi entregue pela primeira vez no Paraná nesta quarta-feira (1). A versão segue o padrão adotado pelo Mercosul e foi modificada após reclamações de proprietários.

A primeira placa para carros antigos no modelo sul-americano tinha fundo branco letras e números na cor cinza e não agradou aos donos desses veículos porque a cor preta havia sido retirada.

Primeira placa para colecionadores, no padrão Mercosul. (Foto: Divulgação)

Em comparação ao antigo emplacamento brasileiro, o atual substitui um dos algarismos por letras e tem apenas a identificação do país que o veículo pertence, e não mais o estado e a cidade.

A nova placa preta segue modelo Mercosul, mas se assemelha ao nacional pelo fundo preto e letras e números na cor branca. O novo modelo foi definido por meio de uma consulta pública e pode ser utilizado por carros antigos que mantenham 80% de sua originalidade.

Acima: placa preta no antigo modelo brasileiro. Abaixo: placa preta no atual modelo do Mercosul. (Fotos: Divulgação/AEN)

“A placa preta no modelo Mercosul acabou perdendo um pouco do seu encanto e o segmento não se sentiu acolhido com as normas. E nós entendíamos que era possível mudar a placa preta. Sugerimos uma placa destinada ao uso no território nacional, a qual pudemos regulamentar pela Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran). Este exemplo é para mostrar que tudo é possível com diálogo”, afirmou Adriano Furtado, diretor-geral do Detran Paraná.

NOVA PLACA PRETA FOI ENTREGUE A UM FUSCA 1965

A nova versão Mercosul da placa preta foi entregue a um Volkswagen Fusca, do ano de 1965.

O proprietário é Antônio Carlos Domanski Junior. “O retorno da placa preta foi uma conquista, melhor caracterizando os veículos de coleção. Pra mim foi uma honra ter sido um dos primeiros a ter a placa instalada. Estava ansioso por este momento”, disse Junior.