Número de turistas estrangeiros nas Cataratas do Iguaçu cresceu 9,3%

Fábio Buchmann - CBN Curitiba

Luau-das-Cataratas_Foto-Marcos-Labanca-5.jpg

O número de turistas estrangeiros que visitaram as Cataratas do Iguaçu aumentou 9,3% no ano passado. Segundo dados de visitação ao Parque Nacional do Iguaçu, o número saltou de 796 mil para 870 mil turistas. Eles foram responsáveis por 46% de um total de 1.895.508 visitações em 2018.

O crescimento do número deste tipo de visitante foi impulsionado pelo bom desempenho dos Estados Unidos, Canadá, China e países andinos. Coreia do Sul, Espanha e Inglaterra também apresentaram percentual acima de 10%.

Segundo a Prefeitura de Foz do Iguaçu, a implantação do visto eletrônico fez aumentar em 47,4% o número de turistas dos Estados Unidos e em 21,8% do Canadá. Com isso, os norte-americanos retomaram dos franceses o título de país do hemisfério norte com maior visitação ao Parque Nacional do Iguaçu. Lideram as estatísticas os brasileiros, argentinos e paraguaios.

Por outro lado, Austrália e o Japão, outros países que tiveram visto eletrônico liberado pelo governo brasileiro, apresentaram crescimento baixo, de 1% e 6,5%, respectivamente.

Já o mercado chinês reagiu com expressivos 22,7% de crescimento, após dois anos consecutivos de realização do Festival da Lua Cheia em Foz do Iguaçu, um evento que tem o paio da embaixada chinesa no Brasil para atrair mais chineses à Foz.

Outra boa surpresa veio dos países andinos. Com voos diretos cinco vezes por semana para Foz do Iguaçu, o número de turistas provenientes do Peru cresceu 19,1%. A Colômbia apresentou crescimento de 19,9%, o Equador 24,4% e a Bolívia 16,7%. Até mesmo a Venezuela registrou aumento de 45%. A única surpresa negativa foi a queda de 17,5% dos turistas uruguaios. Uma das dificuldades apontadas é a escassez de vôos diretos para Foz do Iguaçu.

Previous ArticleNext Article