Operação Antifumo: PF prende suspeito e apreende 1,8 mil maços de cigarro contrabandeado

Redação

Operação Antifumo: PF prende suspeito e apreende 1,8 mil maços de cigarro contrabandeado

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (27) a Operação Antifumo com o objetivo de desarticular uma organização criminosa que atua no contrabando de cigarros paraguaios ao Paraná.

A ação que contou com o apoio das Delegacias da Polícia Federal de Guaíra e Londrina cumpriu seis mandados de busca e apreensão, prendendo um suspeito em Telêmaco Borba, na região dos Campos Gerais do Paraná.

Esse suspeito foi preso em flagrante após os policiais federais encontrarem 1,8 mil maços de cigarro contrabandeado nos endereços comercial e residencial do homem.

A investida da Operação Antifumo ainda conseguiu coletar informações sobre o chefe dessa organização criminosa, que seria o responsável pela distribuição dos cigarros contrabandeados.

Segundo a Polícia Federal, a Operação Antifumo foi desenvolvida após um flagrante feito pelos policiais em 2019, em Ponta Grossa, também nos Campos Gerais.

Na ação, foram identificados os demais integrantes da quadrilha após a análise do celular de um dos fornecedores dos cigarros contrabandeados na região.

O suspeito preso e os cigarros apreendidos foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal em Ponta Grossa.

LEIA MAIS: Surto de coronavírus em casa de repouso deixa 42 idosos contaminados em Maringá

Previous ArticleNext Article