Operação Hogwarts prende sete homens conhecidos por “Bruxos” no Paraná

Redação

Operação Hogwarts prende sete homens conhecidos por bruxos no Paraná

Sete homens foram presos pela Polícia Civil do Paraná no âmbito da Operação Hogwarts, que investiga o tráfico de drogas em Mandaguari, região norte do Paraná.

A Operação recebeu essa nomenclatura devido ao apelido de “bruxos” que era atribuído aos traficantes. Na saga de livros e filmes Harry Potter, Hogwarts é a escola de magia e bruxaria aonde o personagem estuda.

Segundo a Polícia Civil, os “bruxos” vendiam por semana até 3 quilos de cocaína e crack por semana, sendo que um quilo de cocaína é avaliado em R$ 30 mil e o de crack em R$ 15 mil.

“É na verdade é uma família de traficantes que são chamados de bruxos, sendo vários irmãos da mesma família. Um deles foi preso na data de hoje e os outros indivíduos seriam ligados a ele”, explicou o delegado Leandro Rossi Muniz, responsável pela investigação.

Ao todo cinquenta policiais civis participaram da operação, que foi iniciada há oito meses. Foram cumpridos 12 mandados judiciais, sendo dois de prisão preventiva e dez de busca e apreensão.

Um dos traficantes tentou ludibriar os policiais e engoliu nove buchas de cocaína. Mas o suspeito teve uma overdose e morreu no hospital.

Foram apreendidos com os suspeitos 250 gramas de crack, 117 gramas de cocaína e 25 gramas de maconha, além de R$ 4700 em dinheiro vivo.

“Agora as investigações prosseguem. Vamos analisar tudo para chegar a outros distribuidores e outras pessoas envolvidas”, finalizou Rossi Muniz.

Os “bruxos” devem ser indiciados pelos crimes de tráfico, associação ao tráfico, lavagem de dinheiro e sequestro e veículo. Somente os delitos de tráfico e associação ao tráfico têm pena prevista de 8 a 25 anos.

Previous ArticleNext Article