Paciente que agrediu médico em Curitiba testa negativo para coronavírus

Jorge de Sousa

Paciente que agrediu médico em Curitiba testa negativo para coronavírus

O paciente de 40 anos que agrediu um médico na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Sítio Cercado, em Curitiba, testou negativo para o novo coronavírus (Covid 19) segundo a Secretaria Municipal de Saúde.

O resultado do exame no paciente saiu nesta sexta-feira (10) e tranquilizou a equipe médica do hospital, que foi agredida e foi exposta ao sangue e saliva do homem na última quarta-feira (8).

Ainda de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o homem tem histórico de transtorno mental e teve o surto após se negar a ser internado.

Em depoimento a Polícia Civil, o homem justificou que teria que realizar uma mudança neste sábado (11) e que por isso não poderia ser internado. Ele irá responder ao processo em liberdade, mas poderá cumprir pena somada de três meses até dois anos de detenção, além do pagamento de multa.

A Polícia Civil autuou o homem pelos crimes de lesão corporal dolosa e por ter  infringido determinação do Poder Público, destinada a impedir a propagação de doença contagiosa.

Previous ArticleNext Article