Palácio Belvedere será reinaugurado dois anos após incêndio

Ana Cláudia Freire

reinauguração palácio belvedere, rosto da cidade, rafael greca

O Palácio Belvedere, localizado na Praça João Candido, no Centro Histórico de Curitiba, será reinaugurado nesta quinta-feira (19).

O prédio centenário foi totalmente restaurado pelo programa da prefeitura, Rosto da Cidade, um programa de revitalização urbana em parceria com a iniciativa privada que tem como objetivo a recuperação e preservação do Centro Histórico de Curitiba.

Totalmente restaurando, Palácio irá abrigar a Academia Paranaense de Letras e um Café-escola do Senac.

RESTAURO

As obras de restauro e revitalização do Palácio Belvedere tiveram início em novembro de 2018.  Os investimentos na revitalização ficaram em torno de R$ 1.170.000,00.

Foram feitos o restauro interno e externo do edifício conforme as especificações técnicas. “Vamos recuperar a identidade da cidade, aqui vale a herança cultural”, disse o prefeito Rafael Greca, na ocasião do anúncio de restauração.

INCÊNDIO

No dia 6 de dezembro de 2017, um  incêndio criminoso destruiu o Palácio Belvedere . Testemunhas afirmaram que um homem foi visto saindo do prédio, na noite de quarta-feira (6), logo que o fogo começou. O caso foi investigado pelo COPE – Centro de Operações Policiais Especiais, da Polícia Civil.

O prédio foi construído em 1915 e é tombado pelo Patrimônio Histórico do Paraná, além de ser uma Unidade Especial de Interesse de Preservação (Uiep). A construção estava abandonada e depredada.

Reprodução Facebook Rafel Greca

HISTÓRIA DO PALÁCIO

Exemplar arquitetônico desenhado com linhas art nouveau, o prédio foi construído em 1915 pelo então prefeito Cândido de Abreu para ser um mirante no então ponto mais alto urbanizado da capital. A edificação teve outros usos, tendo sido, nos anos 20, sede da primeira rádio do Paraná, a Rádio Clube Paranaense.

Na década de 30 passou a ser Observatório Astronômico da antiga Faculdade de Engenharia do Paraná e, em 1962, sede da União Cívica Feminina Paranaense.

Anos mais tarde, em 2008, o prédio foi usado como posto da Polícia Militar e, entre 2012 e 2014, transformado no primeiro Centro Estadual de Defesa dos Direitos da População em Situação de Rua.

CAFÉ-ESCOLA SENAC

Idealizado a partir do disposto na Lei estadual nº 18.383/14, o Café-escola Senac Belvedere tem como objetivo contribuir com a cultura gastronômica do estado, preservando e desenvolvendo suas variadas manifestações, em bebidas como o café e a erva-mate; nas culinárias tropeira, caiçara e étnica; e na tradição doceira, que em seu conjunto representam a rica criatividade dos paranaenses à mesa.

O Café-escola, ambiente pedagógico de prática profissional onde os alunos aprendem o dia-a-dia da profissão de Barista, será aberto à comunidade.

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista - Chefe de Redação do Paraná Portal