Paraná vai pagar até R$ 93 milhões para manter rodovias no período entre concessões

Redação

rodovias, manutenção de rodovias, edital, leilão, concessão, pedágio, pedágios, paraná, der, der-pr

O DER-PR (Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná) concluiu nesta quinta-feira (18) o edital de licitação de conservação das rodovias paranaenses até que seja concluído o leilão das novas concessões. O estado vai arcar com um custo de R$ 93,4 milhões para a execução do serviço por até dois anos (730 dias).

O resultado final da licitação foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira. O Consórcio Conserva Paraná (Gaissler Moreira Engenharia Civil Eireli e Compasa do Brasil Distribuidora de Derivados de Petróleo Ltda.) ficou com os lotes 1, 2 e 5. Já os lotes 3 e 4 ficaram com a empresa Asphalt Pavimentação Asfáltica Eireli.

Segundo o Governo do Paraná, as empresas vencedoras cumpriam todos os requisitos exigidos no edital e apresentaram as propostas financeiramente mais vantajosas. Elas assumem a gestão das estradas no final do mês.

Os atuais contratos de concessão das rodovias estaduais e federais do Paraná encerram no dia 26 de novembro. A partir do dia seguinte, o Poder Público assume a responsabilidade pela manutenção e conservação das rodovias, bem como serviços de atendimento ao usuário. A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) espera concluir o leilão das novas concessões até o final de 2022.

+ RELEMBRE: ANTT aprova relatório final do pedágio e edital das concessões de rodovias avança

Caso os novos contratos definitivos de concessão sejam assinados em um período inferior a dois anos, o Governo do Paraná poderá rescindir sem penalidades com as empresas que venceram o edital de licitação de conservação das rodovias paranaenses. Mas se o leilão atrasar e os contratos forem levados até o fim, os cinco lotes custarão o valor máximo de R$ 93.491.447,26.

O governo estadual será responsável por trechos que totalizam 964,52 quilômetros de rodovias. Os demais trechos são de responsabilidade federal. A tabela completa com todos os trechos detalhados pode ser consultada neste link.

  • Lote 1: Região Metropolitana de Curitiba e Litoral: 153,75 quilômetros
  • Lote 2: Campos Gerais: 306,48 quilômetros
  • Lote 3: Norte: 230,29 quilômetros
  • Lote 4: Noroeste: 200,99 quilômetros
  • Lote 5: Oeste: 73,01 quilômetros

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="804353" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]