Sesa prioriza aulas presenciais na rede estadual e dá uma semana para escolas fazerem ajustes

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) publicou nesta quinta-feira (23) a resolução nº 860/2021, que prevê a prioridade ..

Redação - 23 de setembro de 2021, 22:30

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) publicou nesta quinta-feira (23) a resolução nº 860/2021, que prevê a prioridade das aulas presenciais na rede estadual de ensino e dá uma semana para as escolas do Paraná fazerem os ajustes necessários e comunicar pais e responsáveis.

Dessa forma, as aulas na modalidade online estarão disponíveis apenas para estudantes que estejam em isolamento por contato próximo ou teste positivo para a Covid-19 ou para aqueles que apresentem comorbidades para a doença.

As salas de aula deverão manter espaços com pelo menos um metro de distância entre os alunos e cada escola será responsável por adotar essas medidas de segurança.

As escolas ainda devem prezar pela manutenção de outras medidas de segurança como obrigatoriedade do uso de máscaras; adoção do distanciamento físico entre pessoas; não compartilhamento de objetos e utensílios pessoais; a limpeza e desinfecção do ambiente e superfícies, entre outros.

Vale lembrar que nesta semana o Paraná anunciou o início da vacinação em adolescentes, sendo que as primeiras doses enviadas pelo Ministério da Saúde devem chegar ao estado nesta sexta-feira (24).

Outro indicativo que fez com que a Sesa optasse por priorizar o estudo presencial nas escolas da rede estadual é a baixa ocupação nos leitos de UTI e enfermaria, além a queda na média móvel de casos (55%) e mortes (45%).

LEIA MAIS: Ministério Público cria força-tarefa para investigar Prevent Sênior