Paraná oferta 2,5 mil vagas de emprego nas Agências do Trabalhador

Redação

paraná vaga de emprego agência do trabalhador

As 216 Agências do Trabalhador estão oferecendo 2.494 vagas de emprego em todo o Paraná. De acordo com o governo estadual, a retomada da geração de emprego e renda ganha força. 6.500 pessoas tiveram a carteira assinada em agosto, o que representou um aumento de 20% em relação ao mês de julho (5.695).

Os maiores números de vagas são para auxiliar de linha de produção (1.525); alimentador de linha de produção (88); ajudante de carga e descarga de mercadoria (75).

Em Curitiba são 523 vagas disponíveis. As ocupações com maior número de vagas são as seguintes: operador de telemarketing ativo e receptivo (120); empacotador, a mão (44); operador de telemarketing ativo (42).

“Mesmo com a pandemia do coronavírus nossas Agências do Trabalhador continuaram disponibilizando vagas pela internet. Com a reabertura das Agências, os atendimentos presenciais continuaram sendo feitos com horários agendados e respeitando todas as normas exigidas pelas autoridades sanitárias”, destaca o secretário da Justiça, Família e Trabalho do Paraná, Ney Leprevost.

“Em todo o momento da pandemia, ofertamos diversas oportunidades de emprego e continuamos firmes para que possamos aos poucos retomar aquele bom momento que vivíamos antes da crise na geração de empregos e renda no Estado”, completou.

Você pode procurar vagas pelo site do governo do Paraná.

OPORTUNIDADES DE EMPREGO NO PARANÁ DURANTE A PANDEMIA DE COVID-19

A supervisora de vendas externa da empresa Stampa Food, Mara De Grandi, conta que logo no mês de maio, quando a pandemia de covid-19 se intensificou, teve a sorte de conseguir uma oportunidade de emprego pela Agência do Trabalhador de Curitiba.

“Se não fosse a agência eu não iria conseguir emprego neste momento, os profissionais da agência me deram todo o suporte, além de me ajudarem a achar uma vaga adequada ao meu perfil e deu certo, na semana seguinte já estava com a minha carteira assinada”, conta ela.

Já a auxiliar administrativa da empresa RPF Comercial, Katia de Santana, também foi atrás de uma oportunidade na Agência do Trabalhador de Curitiba. “Procurei por telefone a Agência do Trabalhador e fui atendida com agilidade e rapidez. Na mesma semana fui encaminhada para entrevista e, em menos de 10 dias já estava com carteira assinada. Estava passando por um momento complicado. Tinha perdido meu emprego devido a pandemia e já estava começando a passar por algumas necessidades. Só tenho a agradecer”.

A representante da RPF comercial, Gislene Scolaro Portella Castelhano, explicou que ultimamente, devido à pandemia, as contratações só estão sendo realizadas por intermédio da Agência do Trabalhador. “Sempre que temo vagas disponíveis entramos em contato com a Agência do Trabalhador de Curitiba e imediatamente conseguimos ocupar a vaga ofertada”.

* com informações da AEN.

Previous ArticleNext Article