Peão morre ao ser pisoteado durante rodeio em Maringá

BandNews FM Curitiba

O peão Giliard Antônio da Silva, de 24 anos, morreu ao ser pisoteado por um touro durante o rodeio da Expoingá, em Maringá, noroeste do Paraná. O caso ocorreu na noite de domingo (13) durante a montaria no touro Cineasta, de 1 tonelada. Giliard caiu e foi pisoteado pelo animal. Em seguida ele levantou e tentou correr, mas caiu desmaiado.

Médicos constataram uma fratura na cervical. Socorristas tentaram a reanimação, mas, o peão não demonstrou reação. Na última sexta-feira, em entrevista à Rede Massa, Giliard admitiu que nunca deixou de sentir medo, mas a confiança ainda era maior.

“Da um pouquinho, mas a fé é maior que o medo e isso supera tudo. A expectativa é grande, mas eu estou confiante”, afirmou.

Giliard da Silva era considerado um dos melhores competidores do Brasil. Em 2016 sofreu uma contusão e ficou afastado das arenas. A prova de ontem (13) era a segunda competição após o retorno aos rodeios. Nos próximos meses, ele embarcaria para os Estados Unidos onde iria competir.


Natural de Minas Gerais, o homem deixa uma esposa e uma filha de um ano. Por meio de nota, a PBR (Professional Bull Riders) diz lamentar o ocorrido e, ainda, que presta todo suporte à família do competidor.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook