PF investiga suspeito de desviar R$ 43 mil em cheques de correspondências nos Correios

A Polícia Federal cumpriu, na manhã desta quarta-feira (27), dois mandados de busca e apreensão e um de suspensão do exe..

Andreza Rossini - 27 de junho de 2018, 11:36

Foto: Divulgação PF
Foto: Divulgação PF

A Polícia Federal cumpriu, na manhã desta quarta-feira (27), dois mandados de busca e apreensão e um de suspensão do exercício da função pública, contra um funcionário dos Correios que é suspeito de desviar  R$ 43 mil em cheques das correspondências.

Dos mandados cumpridos, um deles ocorreu no armário do funcionário dos Correios, no Centro de Distribuição em Araucária, e o outro, na cada do suspeito, na Lapa, ambas na Região Metropolitana de Curitiba.

Segundo as investigações, o suspeito se apropriava de folhas de cheques que estavam dentro de objetos postais que deveriam ser entregues aos destinatários. Os cheques desviados que já estavam preenchidos e assinados foram depositados em sua própria conta corrente.

A apropriação dos valores ocorria durante o seu período de trabalho. O carteiro escrevia na lista de objetos entregues que o objeto havia sido extraviado. A polícia apreendeu um veículo, um celular e cerca de R$ 4.500 com o suspeito.

O servidor dos Correios  é acusado pelo crime de peculato, que possui pena de até 12 anos de reclusão. Os mandados foram expedidos pela 23ª Vara Federal de Curitiba.