Polícia resgata idosa que caiu em golpe do falso sequestro

Simone Giacometti


A Polícia Civil do Paraná resgatou uma senhora de 74 anos, que mora em Almirante Tamandé e acabou sendo vítima de falso sequestro. Ela foi localizada em um quarto de hotel no centro de Curitiba na madrugada desta sexta-feira (3).

De acordo com a apuração policial, a idosa recebeu a ligação de um homem que anunciou, de forma violenta, o sequestro do seu filho. Em troca do resgate, o suspeito exigiu que fosse feito um depósito no valor máximo de dinheiro que ela tivesse na conta.

Acreditando na história do sujeito, a mulher foi até uma lotérica e depositou R$1,3 mil na conta revelada pelo homem. Em seguida, ainda por telefone, o bandido informou que libertaria a vítima assim que a mãe dela se hospedasse em algum hotel na região central da cidade.

A mulher obedeceu e acabou se hospedando em um hotel no centro da capital paranaense. Assim que teve certeza que ela estava no quarto, o falso sequestrador ordenou que ela jogasse o telefone na privada.

Quando a mulher ficou incomunicável, o homem inverteu a situação. Ele entrou em contato com a família da senhora e contou que ela tinha sido sequestrada, pedindo R$20 mil para libertá-la, caso contrário a mataria.

Os parentes entraram em contato com a Polícia Civil e o caso foi investigado pelo grupo Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Tigre). Em algumas horas, os investigadores localizaram o hotel e resgataram a senhora, assustada. As investigações continuam para identificar quem teria feito as ligações e ameaças.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Cristiano Quintas, esse tipo de golpe é comum e na maioria das vezes os farsantes ligam de dentro de presídios. Ele orienta as vítimas a comunicarem a polícia e não fazerem os depósitos pedidos pelos bandidos.

 

Previous ArticleNext Article